quinta-feira, janeiro 30, 2014

Prefeitura e Eletropaulo inauguram iluminação no estádio do Rochdale

SONY DSCEsta quinta-feira, 30 de janeiro, ficará marcada na história esportiva de Osasco. Depois do primeiro gol - histórico - de um time profissional de Osasco na elite do futebol paulista, na terça-feira, 28, quando o Grêmio Osasco Audax,  venceu por o São Bernardo por 1 a 0, hoje, o estádio Prefeito José Liberatti ganha um moderno sistema de iluminação. Além do prefeito Jorge Lapas e demais autoridades, o evento contará também com a presença do vice-presidente de Relações Institucionais, Comunicação e Sustentabilidade da AES Brasil, Paulo Camillo. A implantação do sistema de iluminação no estádio foi realizado pela AES Eletropaulo.


Com base no conceito de eficiência energética, a iluminação conta com uma estrutura que contempla quatro torres separadas, com 16 lâmpadas de LED instaladas em cada uma. Assim, com a entrega do projeto “Futebol Iluminado”, o Estádio Rochdale poderá receber jogos noturnos do Campeonato Paulista, de todas as categorias, como também até mesmo dos Campeonatos da Liga de Futebol Amador de Osasco.


O investimento total da AES Brasil nesse projeto de iluminação com lâmpadas de LED, foi de R$ 523 mil. Em release distribuído à imprensa, o vice-presidente da AES Brasil destacou a visão da empresa nesta área.  “Este é um dos compromissos da AES Brasil para apoio e o incentivo a práticas esportivas”, disse Paulo Camillo. Atualmente, a AES Eletropaulo distribui energia elétrica para 24 municípios da região metropolitana de São Paulo, incluindo a capital. Juntos, esses municípios abrigam uma população de cerca de 17 milhões de habitantes.


Além da iluminação da Eletropaulo, a Prefeitura de Osasco realizou também outras obras no local visando a melhoria do estádio e o conforto dos torcedores. "A iluminação era uma reivindicação antiga de todos os desportistas de Osasco, principalmente, dos amantes do futebol. E, com as partidas tendo que ser realizadas apenas durante o dia, isso dificultava muito a todos que trabalhavam e ficavam impedidos de vir ao estádio torcer pelo seu time. Agora, isso já é passado e teremos também jogos noturnos no Rochdale", festejou Jorge Lapas.


Amistoso
Para marcar esse evento histórico em Osasco, foi programado uma partida amistosa entre os amigos do Vampeta, presidente do Grêmio Osasco Audax, que enfrentarão uma equipe formada por funcionários e colaboradores da AES Eletropaulo. A inauguração está marcada para às 19 horas e a entrada é franca. Dentre outras estrelas, deverão estar presentes no time do Vampeta, os consagrados jogadores Cafú e Marcelinho Carioca. O estádio do Rochdale fica na Avenida Brasil, 1361 - Jardim Rochdale.


Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br
 
pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira 

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira 

quarta-feira, janeiro 29, 2014

Crédito Imobiliário da Caixa bate recorde histórico

CaixaEm 2013, a Caixa Econômica Federal atingiu o volume de R$ 134,9 bilhões em contratações do crédito imobiliário, o que equivale a recorde histórico. Esse montante ultrapassou a previsão de R$ 130 bilhões para o ano. Conforme divulgação da Caixa, as famílias cadastradas no programa "Minha Casa, Minha Vida", que ganham até R$ 1,6 mil, foram destaque nessas contratações de crédito.


A quantidade de financiamentos também superou a média dos anos anteriores. Em 2013, o número de contratos foi superior a 1,9 milhão, enquanto em 2012, foram firmados 1,2 milhão. Nos últimos três anos, foram mais de R$ 300 bilhões em crédito para compra da casa própria concedidos somente pelo banco.  


No período, o "Minha Casa, Minha Vida" (MCMV) encerrou o ano com 3 milhões e 240 mil unidades contratadas, registrados desde o lançamento do programa. Deste total, 2 milhões e 240 mil moradias foram pelo MCMV2. Somente em 2013, foram contratadas 900 mil unidades.


Para o vice-presidente de Habitação da CAIXA, José Urbano Duarte, o recorde histórico no financiamento a casa própria se deve a melhoria das condições para que os brasileiros adquiram um imóvel. “A estabilidade econômica somada ao aumento da renda e melhores condições de financiamento - taxas de juros menores, prazos maiores, além de maior simplicidade operacional - tem permitido um maior acesso ao credito para compra do imóvel desejado. Para 2014, a previsão é de que o crédito imobiliário continue crescendo, devendo ficar entre 10 e 20% maior do que no ano passado", destaca o vice-presidente.


De todo o montante aplicado em 2013, 65% foram destinados à aquisição de imóveis novos e 35% para imóveis usados. No total, foram R$ 61,64 bilhões em aplicações com recursos da poupança (SBPE). Isso é mais de 50% de tudo o que foi feito no mercado, R$ 41,22 bilhões pelas linhas que utilizam recursos do FGTS e R$ 20,47 bilhões de recursos do FAR (Fundo de Arrendamento Residencial) e demais fontes somaram R$ 11,57 bilhões. Os financiamentos para aquisição ou construção de imóveis individuais corresponderam a R$ 79,12 bilhões e os financiamentos para a produção de imóveis atingiram R$ 55,83 bilhões. O financiamento direto à produção vem apresentando crescimento significativo nos últimos anos, saindo de 14% do total do crédito imobiliário do banco, em 2007, para 41% do total aplicado em 2013.


Também no ano de 2013, a participação da CAIXA no mercado financiamento de imóveis ficou em 69%. Com relação à idade dos mutuários, mais de 35% dos financiamentos foram concedidos a clientes com menos de 30 anos. Já a faixa etária de 31 a 45 anos correspondeu a 45% dos contratos do crédito imobiliário no último ano. E, quando à inadimplência dos financiamentos imobiliários, ela manteve-se baixa, com índice de 1,47%, inferior ao índice de 1,54% do fechamento do primeiro semestre.


Até o final de 2013, o Minha Casa Minha Vida entregou mais 1,5 milhão de moradias. Deste total, 812 mil unidades (53%) foram para pessoas com renda familiar de até R$ 1.600, sendo 459 mil unidades da faixa 1 e 353 mil da faixa 2.(Com informação da Assessoria de Imprensa da Caixa).


Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br 

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: ww.facebook.com/orenatoferreira 

terça-feira, janeiro 28, 2014

Serra é operado no Sírio-Libanês

José SerraO ex-governador de São Paulo, José Serra (PSDB), 71 anos, foi submetido a uma cirurgia na próstata, na manhã desta terça-feira, dia 28, no hospital Sírio-Libanês. Conforme informações liberadas pelo hospital, Serra  passa bem, se alimenta e está conversando normalmente. O ex-governador, que também já foi prefeito de São Paulo e ministro da Saúde no governo de FHC, deve permanecer internado até quinta-feira.


O procedimento cirúrgico, que é uma ressecção endoscópica da próstata, foi realizado pelo urologista Miguel Srougi e durou cerca de uma hora. Segundo os médicos, a cirurgia teve que ser feita para tratar um aumento benigno da próstata. Como a hiperplasia do órgão era benigna, foi o próprio Serra que optou em fazer a cirurgia, já que a mesma era optativa.


Foi no início do ano passado que os médicos de Serra diagnosticaram o aumento da próstata. Na época, o tucano foi, inclusive, aos Estados Unidos para fazer exames mais detalhados. Nesses exames, foi descartada a hipótese de um câncer.


Ainda segundo os médicos, a intervenção cirúrgica estava agendada para julho de 2013,  porém, durante a realização dos exames pré-operatórios, descobriu-se que uma das artérias cardíacas de Serra havia passado por um processo de calcificação. Foi quando o ex-governador foi submetido a um cateterismo, fato que forçou o adiamento da cirurgia da próstata para este ano.


Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br 

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira

segunda-feira, janeiro 27, 2014

Kassab confirma candidatura e lança Meirelles ao Senado

Kassab e MeirellesDurante encontro regional realizado pelo PSD no sábado, dia 25,  em São José do Rio Preto, Gilberto Kassab (à direita), confirmou que vai concorrer ao governo do Estado de São Paulo, nas eleições de outubro. Kassab é o presidente nacional do partido e ex-prefeito de São Paulo. No entanto, mesmo já falando como candidato, ele ressaltou que só fará campanha a partir de junho, após a oficialização da candidatura. Kassab adiantou que  a segurança pública será o principal tema de sua campanha à sucessão de Geraldo Alckmin.


Na ocasião, Gilberto Kassab lançou também o nome do ex-presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, ao Senado. "Já afirmei que aceitarei a missão de, a partir do mês de junho, ser candidato a governador, fazendo essa dobradinha com o Henrique Meirelles, candidato ao Senado", disse Kassab. Para o presidente nacional do PSD, a sua campanha não será afetada pelos escândalos envolvendo sua administração. Kassab foi prefeito de São Paulo de 2006 a 2013, e seu nome foi envolvido na investigação da chamada “Máfia do ISS”, deflagrada na atual administração do prefeito Fernando Haddad (PT). “Isso não vai acontecer porque estou tranquilo e estarei sempre à disposição para esclarecer quaisquer problemas”.


Gilberto Kassab afirmou também que está confiante na articulação do PSD para esta campanha e que vai disputar o segundo turno. “Vamos no esforçar muito para estar no segundo turno e chegando lá, vamos definir com aqueles que não chegarem um projeto de consenso para melhor governar São Paulo.”, concluiu Kassab.


Acompanhe Renato Ferreira no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira 

quinta-feira, janeiro 23, 2014

Enchente - Defesa Civil de Osasco realiza trabalho de restauração

Conforme o Quintal da Noticia noticiou, um forte temporal casou um caos na cidade de Osasco e também em diversos bairros da região Oeste da Capital, como Jaguaré, Vila São Francisco, Leopoldina e Lapa. Na cidade de Osasco, desde o início da noite de ontem, como durante toda a manhã de hoje, a Defesa Civil realiza um mutirão ininterrupto de serviços de restauração em todo o município. A área central da cidade foi uma das mais pelas fortes chuvas.

O Quintal da Notícia conversou com o Coordenador da Defesa Civil de Osasco, Delcides Regatieri (foto), que comanda pessoalmente esse trabalho de restauração. Segundo Regatieri, os trabalhos, em conjunto com a Secretaria de Serviço e Obras, se concentram na desobstrução de vias públicas retirando árvores caídas, como também na limpeza de córregos e rios para onde a chuva levou muitas sujeiras durante o temporal de ontem à noite.
  

Ainda segundo o coordenador da Defesa Civil, em Osasco, durante todo o ano, o órgão realiza um trabalho preventivo de limpeza e manutenção dos córregos e rios, porém, mesmo com esse trabalho de prevenção, é impossível se prevenir para um volume de água muito acima da média histórica como aconteceu na quarta-feira. “Ontem, o volume foi de 62mm de água durante apenas uma hora de chuva, o equivalente a 50% de toda chuva prevista para o mês de janeiro. E a previsão nunca é exata. A previsão que tínhamos era de 17mm e acabou caindo um volume de 62mm, ou seja, muito acima da média história para este período”, observou Delcides Regatieri.

A Defesa Civil informa também que o temporal de uma hora provocou nove pontos de alagamentos na cidade, sendo que a área central foi a mais atingida, com alagamentos no Largo de Osasco, no Jardim Bomfin, próximo à Rodoviária, no km 18, próximo à estação ferroviária, no km 21, alguns na zona Norte, como bairro do Rochdale e no Jardim Turíbio, na zona Sul.


Num resumo preliminar da Defesa Civil, Delcides Regatieri informou que as chuvas causaram 9 pontos de alagamentos, e18 quedas de árvores, mas, felizmente, sem nenhum caso de ferido, morte ou de desabrigados. Ao término desse trabalho de restauração, a Defesa Civil irá elaborar um relatório final sobre as chuvas de quarta-feira, como todo o trabalho realizado pela Administração Municipal.


Além do trabalho da Defesa Civil, o Fundo Social de Solidariedade de Osasco também está distribuindo cestas básicas para 46 famílias de uma favela atingida no Jardim Turíbio, onde há trabalho também da Secretaria de Habitação.


Lapas visita pontos atingidos
Ainda na quarta-feira, à noite,  acompanhado de técnicos e secretários, o prefeito Jorge Lapas esteve em diversos pontos da cidade, acompanhando o trabalho da Defesa Civil.

Em um dos pontos visitados, na avenida dos Autonomistas, no trecho do Jardim KM 18, o prefeito conversou com munícipes e explicou que a Prefeitura está tomando as devidas providências para garantir melhor escoamento da água e irá realizar a abertura de novas galerias.

Em outro local visitado, na região central, o prefeito também verificou a situação e conversou com comerciantes. No centro, Lapas percorreu o Calçadão da rua Antônio Agu conversando com a população e instruindo equipes da Prefeitura a agir para sanar os problemas causados.

Antes de ir aos pontos afetados, o prefeito Jorge Lapas acompanhou todos os efeitos causados pelo temporal através das câmeras da Central de Monitoramento da Prefeitura de Osasco. Na ocasião, o prefeito visualizava a situação e, por telefone, já instruía as equipes sobre os procedimentos necessários para melhorar a situação. O prefeito deixou a Central de Monitoramento assim que a intensidade da chuva diminuiu e pôde sair para percorrer a cidade. (Foto da página do Facebook de Jorge Lapas)
Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanotícia.com.br
 pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira
 e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira

quarta-feira, janeiro 22, 2014

Gil implanta o "Centro Dia do Idoso" em Barueri

Gil Arantes no PalácioDando sequência ao seu Plano de Governo na área social, o prefeito de Barueri, Gil Arantes, assinou nesta terça-feira, dia 21, na Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, um acordo de cooperação para levar a Barueri um 'Centro Dia do Idoso'. Ao deixar a Secretaria Estadual, Gil Arantes postou  em sua página do Facebook: "Trata-se de um compromisso assumido no Plano de Governo que apresentei em 2012 e adotei ao assumir o cargo em 2013. Uma conquista para esta importante parcela de nossa comunidade barueriense, que cresce a cada ano e merece mais equipamentos públicos ao seu serviço". O "Centro Dia do Idoso" será implantado no Parque da Maturidade.


Compromisso 
Parque_da_-Maturidade_jose-dias_silva_barueriConforme o prefeito Gil Arantes afirmou, a implantação de mais esse equipamento social em Barueri, começou a se tornar realidade em março de 2013, quando ele recebeu no Parque da Maturidade,  o Secretário de Desenvolvimento Social do Estado Rodrigo Garcia. Na ocasião, foi formalizado e assinado o termo de adesão ao Programa Amigo do Idoso e anunciar a implantação do Centro Dia pra idosos na cidade. 


Na oportunidade,  o secretário de Estado, elogiou a política inclusiva de Barueri, afirmando ser ela um exemplo para as outras cidades de São Paulo. “Esta cidade está sempre crescendo e inovando. O Programa Amigo do Idoso, além de oferecer benefícios para a melhor idade, garante o envelhecimento ativo e fortalece sua importância na sociedade, podendo fazer com que possamos viver quase por 100 anos”, disse Rodrigo Garcia.


No ano passado havia, inclusive, boatos de que o Parque da Maturidade seria fechado pela atual administração, o que foi desmentido pelo prefeito Gil Arantes. Após assinar o termo  de adesão ao Programa Amigo do Idoso e anunciar a implantação do Centro Dia pra idosos na cidade, o prefeito disse: “Aqui está um exemplo que isso não é verdade [o fechamento do Parque] e de que revitalizaremos o atendimento com o Centro Dia para idosos”, concluiu Gil Arantes.


Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br 

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira

terça-feira, janeiro 21, 2014

Lapas inaugura a Casa do Empreendedor em Osasco



Casa do Empreendedor - placaComo o Quintal da Notícia noticiou  ontem, nesta terça-feira, dia 21, o prefeito de Osasco, Jorge Lapas, inaugurou a Casa do Empreendedor. Trata-se de um órgão do poder público municipal, que reunirá num só local, os mais diversos serviços para atender a pessoa que deseja abrir uma empresa e mantê-la em desenvolvimento.


Casa do EmpreendedorNa Casa do Empreendedor, o novo empresário encontrará todos os serviços municipais, através do Osasco Legal, como também atendimentos da Junta Comercial Estadual, SEBRAE, Sescon, ACEO e também da Caixa Econômica Federal, dentre outros. A Casa do Empreendedor, subordinada à SICA (Secretaria da Indústria, Comércio e Abastecimento), fica na Rua Mariano J.M.Ferraz, 260, Centro.


O evento contou com a presença de um grande público e representantes de todos as empresas e órgãos que fazem parte desta parceria com a Prefeitura. Além do prefeito Lapas, prestigiaram também o evento diversos secretários, vereadores, Antonio Toniolo, presidente da Câmara Municipal, os deputados estaduais Marcos Martins e Osvaldo Verginio, o diretor do SEBRAE/Osasco, Mauro Quereza e a Superintendente Regional da Caixa Econômica Federal, Celi Mantovani.


A TV Quintal, com os jornalistas Néo Correia e Renato Ferreira, também esteve presente. Nesta quarta-feira, veja no Quintal da Notícia, o vídeo sobre tudo que aconteceu na inauguração da Casa do Empreendedor de Osasco. Acesse: www.quintaldanoticia.com.br

 
Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br 

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira

segunda-feira, janeiro 20, 2014

Osasco terá a Casa do Empreendedor

osascoA inauguração será realizada nesta terça-feira, dia 21, às 9h, pelo prefeito Jorge Lapas. A Casa do Empreendedor de Osasco será instalada na Rua Mariano J. M. Ferraz, 260. , Centro, Osasco. Nesse local,  o empreendedor encontrará serviços da Junta Comercial, SEBRAE, CIEE, Sescon, ACEO, Unifesp, Fatec, FacFito e Caixa Econômica Federal, além de todos os serviços municipais.


A Casa do Empreendedor é fruto de uma parceria da  Prefeitura, através do Programa Osasco Legal,  com a APEC/Junta Comercial do Estado de São Paulo. No local, serão oferecidos todos os tipos de serviços para abertura ou encerramento de empresas, além do sistema de gestão ERP- Enterprise Resource Planning, para dotar o empresário das ferramentas de gestão de sua empresa/negócio, com facilidade e rapidez.


Na Casa do Empreendedor, estará também presente o SEBRAE-SP, que disponibilizará um posto avançado para consultorias empresariais personalizadas ou coletivas, bem como workshops e palestras a todos os seguimentos em atividade no município. Por sua vez, numa parceria com com Caixa Econômica Federal. a Casa do Empreendeor oferecerá serviços bancários e financiamentos às empresas, bem como, microcrédito orientado aos microempreendedores. A Casa também contará com um posto do CIEE – Centro de Integração Empresa Escola -, que promove intercâmbio entre empresas, universidade e alunos para estágios.

A Casa do Empreendedor tem base  em duas Leis municipais: Lei nº 213/2011 e LEI Nº 4437, de 20 de julho de 2010, que trazem, entre outros benefícios, o tratamento favorecido diferenciado na licitação para compras públicas às Micro e Pequenas Empresas, cujos editais serão também disponibilizados no Portal da Casa do Empreendedor.

Serviço 
Data: 21/01/2014 (terça-feira)
Horário: 9h
Local: Rua Mariano J. M. Ferraz, 260, Centro, Osasco


Acompanhe Renato Ferreira também pelo Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br 

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira 

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira 

sábado, janeiro 18, 2014

Marta Suplicy é condenada por improbidade administrativa

Marta SuplicyA Justiça de São Paulo condenou a ex-prefeita e atual ministra da Cultura, Marta Suplicy, por improbidade administrativa, que  perde também seus direitos políticos por três anos. Além da condenação e da inelegibilidade, Marta Suplicy foi condenada ainda a pagar uma multa no valor de cinco vezes o valor do salário, que a ministra recebia quando era prefeita de São Paulo no período de 2001 a 2005, valor que deve ser atualizado. A decisão foi tomada pelo juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública, Alexandre Jorge Carneiro da Cunha Filho.


A condenação da ministra da Cultura saiu no dia 9 de janeiro e publicada no Diário Oficial da Justiça de São Paulo no dia 10. O juiz acatou uma denúncia do Ministério Público, que havia entrado com uma ação de improbidade administrativa. Segundo a ação, houve direcionamento para a contratação do Grupo de Trabalho e Pesquisa em Orientação Sexua (GTPOS), contratado sem licitação.


Segundo a decisão da Justiça, Marta Suplicy foi também "proibida de contratar com o Poder Público ou recebe benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual serja sócia majoritária. A proibição também tem validade de três anos". Por sua vez, o GTPOS foi condenado a pagar multa civil de 10% do contrato original firmado com a prefeitura de São Paulo (R$ 373.119,19, em 2002), valor que deve ser atualizado, além de ficar proibido também de efetuar qualquer contrato com o Poder Público.


Neste sábado, 18, Marta Suplicy disse que vai recorrer da sentença. Conforme informou a assessoria do Ministério da Cultura, os advogados particulares da ministra já estão discutindo a sentença e o recurso a ser apresentado. Em 2010, Marta Suplicy foi eleita senadora por São Paulo, cargo do qual licencio-se para assumir o Ministério.


A condenação da ex-prefeita é de primeira instância e, por isso, Marta Suplicy está livre para concorrer nas eleições de 2014, uma vez que os efeitos da Lei da Ficha Limpa só passam a valer a partir de condenações por órgãos colegiados. No entanto, Marta Suplicy já afirmou que não tem intenção de deixar o governo para concorrer nas eleições de outubro. Na mesma sentença, foi condenada também Maria Aparecida Perez, que era secretária de Educação de Marta Suplicy. A secretária foi condenada a penas idêntica às da ex-prefeita Marta.


Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br 

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira 

quinta-feira, janeiro 16, 2014

Justiça da Suíça bloqueia recursos do mensalão do DEM


José Roberto ArrudaConforme notícia publicada, agora há pouco, pela imprensa brasileira, a Justiça da Suíça bloqueou US$ 6,8 milhões depositados em nove contas secretas de Genebra e Zurique. Eles suspeitam que o dinheiro esteja ligado ao esquema de corrupção do Distrito Federal que, na época, ficou conhecido como mensalão do DEM, envolvendo, inclusive, o então governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (DEM). Os documentos mostram que as contas foram congeladas em março de 2013.


Em setembro de 2012, depois de receberem informações da Procuradoria-Geral da República, as autoridades da Suíça entraram no caso e começaram a investigar o caminho percorrido pelo dinheiro naquele país. Na época, os investigadores brasileiros levantaram a hipótese de recursos desviados para duas cidades suíças e também apontaram indícios de lavagem de dinheiro. De imediato, o Ministério Público da Suíça abriu "instrução penal" para apurar os fatos, que culminou  no pedido de bloqueio do dinheiro.


Antes de pedir ajuda às autoridades da Suíça, a Procuradoria-Geral denunciou ao Superior Tribunal de Justiça 37 pessoas envolvidas no mensalão do DEM. Dentre outros, foram denunciados o ex-governador do DF, José Roberto Arruda e o ex-vice-governador Paulo Octávio, ambos filiados ao DEM. Eles ficaram no comando do governo de 2007 a 2010. Durante o processo, foi exibido um vídeo, mostrando Arruda recebendo diversos maços de dinheiro. Após o escândalo, os dois, que negaram ligação com as contas na Suíça, foram expulsos do Democratas.


O documento da Justiça da Suíça não chega a ser explícito em relação aos envolvidos no esquema. Ele relata que "37 pessoas acusadas de participar de desvios de dinheiro público e de atos de corrupção de funcionários do Estado". Diz também que um dos envolvidos, identificado como "H", "é acusado de ter cometido atos de corrupção ativa e lavagem de dinheiro". Em outro trecho, o documento cita o envolvimento de "J", um "ex-governador do Distrito Federal suspeito de ser o responsável pela organização criminal ativa em atos de corrupção visados pelo procedimento estrangeiro".


Opinião (Renato Ferreira)

Esta notícia vinda da Suíça, mostra que a festa com dinheiro público no Brasil, promovida por políticos de todos os partidos, como os mensalões e outros escândalos, está chegando ao fim. Com um Ministério Público e um Judiciário mais atentos, os crimes de corrupção estão sendo investigados até as últimas consequências, inclusive, com os envolvidos sendo condenados e levados para a prisão.


‘Acompanhe Renato Ferreira também pelo Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br 

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira

quarta-feira, janeiro 15, 2014

Preterido, PMDB ameaça deixar o governo Dilma

Temer e DilmaNinguém acredita muito, mas, o PMDB, mais uma vez, ameaça deixar o governo Dilma Rousseff (PT) e engrossar a oposição. E tudo porque o partido, que sempre dá um jeito de ser governo, independentemente de quem esteja no poder, se sente preterido pelo governo. Hoje, o PMDB tem o vice-presidente da República, Michel Temer, e mais cinco ministérios (Minas e Energia, Previdência, Turismo, Agricultura e Secretaria de Aviação Civil), mas, deseja mais dois: Integração Nacional e Cidades, que a presidente Dilma pensa em ceder para outras legendas da base governista.


Em reunião com a presidente Dilma, na última segunda-feira, dia 14, Michel Temer foi informado da intenção do governo. Dilma justificou que precisava contemplar outros partidos que, segundo ela, estão sem espaço em seu governo, como o PTB, PROS e PSD, afirmando, inclusive, temer que por isso essas legendas possam acabar na oposição. E esse fato irritou parte da cúpula peemedebista.


Ao deixar a reunião, Temer foi direto para a sua residência oficial, onde se encontrou com integrantes da cúpula do PMDB para informa-los da posição do Planalto. E, claro, os peemedebistas não gostaram, sentiram-se preteridos e resolveram, então, pressionar por mais espaço na administração Federal. Inclusive, algumas lideranças do partido lançaram a ideia de antecipar a convenção do partido de junho para abril, ocasião em que vão decidir se continuarão participando, ou não, do governo Dilma.


O governo tenta mostrar que não se preocupa com as ameaças do PMDB. Alguns governistas consideram, inclusive, que isso não passa de um blefe, no entanto, outros são cautelosos, uma vez que sem o PMDB, eles acreditam que a reeleição da presidente Dilma Roussef torna-se, praticamente, impossível.


Hoje, os impasses maiores entre PT e PMDB ocorrem no Rio de Janeiro, Amapá, Ceará e Bahia, entre outros Estados. Em São Paulo, maior colégio eleitoral do país, os dois partidos já decidiram que terão candidaturas próprias. O PT vai lançar o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, enquanto o PMDB disputará a sucessão estadual com o empresário Paulo Skaf.


Só que a dúvida em deixar o não o governo divide também os peemedebistas. Para muitos deles, é um risco deixar cinco ministérios e ainda não ter mais o vice-presidente da República. Outra avaliação de alguns líderes do PMDB é que indo para a oposição, o partido terá dificuldade de se aliar ao PSB de Eduardo Campos, por causa da resistência que terão de Marina Silva. Para os peemedebistas, o caminho mais natural e mais fácil, em deixando o governo, seria uma aliança com o tucano Aécio Neves.


Sendo ameaça, ou não, o fato é que o clima continua pesado no PMDB. Nesta quarta-feira, 15, inclusive, a cúpula do partido volta a se reunir, em Brasília, para tentar fechar uma posição. Outra verdade disso tudo, na opinião dos analistas políticos, é que o governo Dilma está mesmo pressionado e não terá outra alternativa, senão ceder às pressões de seu maior aliado para poder ter uma caminhada mais tranquila neste ano de eleições gerais.


Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br 

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira

segunda-feira, janeiro 13, 2014

"Pedrinhas" assusta senadores do Brasil. Mas, por quê?

Senadores em PedrinhasNesta segunda-feira, dia 13, um grupo de senadores da República, que fazem parte da Comissão de Direitos Humanos (CDH), visitou o Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís (MA), para verificar a situação do sistema prisional do estado, onde tem acontecido rebeliões, mortes entre os detentos e ataques à população. Após a visita, a presidente da Comissão, senadora Ana Rita (PT-ES), classificou a realidade do local como deprimente e caótica. 


Na penitenciária, a senadora Ana Rita afirmou que as condições da ala destinada a presos provisórios, que passa por reforma, são um pouco melhor, mas destacou que o ambiente reservado aos presos condenados, é caótico. "O quadro é muito delicado. Há uma superlotação das celas e dos cubículos. São cubículos extremamente fechados, sujos e superlotados. Há também a falta de ventilação e de limpeza", disse, estarrecida, a senadora do Espírito Santo.


Para o o vice-presidente da CDH, senador João Capiberibe (PSB-AP), as condições dos presos são degradantes e desumanas. "O que nós vimos foi um depósito de seres humanos sem assistência devida e sem condições mínimas para garantir a saúde e a integridade física dessas pessoas", disse o senador amapaense.


Além de Ana Rita e Capiberibe, fazem parte também da comitiva, que está no Maranhão, os senadores João Alberto Souza (PMDB-MA), Lobão Filho (PMDB-MA), Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) e Humberto Costa (PT-PE).


Opinião (Renato Ferreira)

Será que esses senadores são mesmo parlamentares do Brasil? Pois, me espanta muito o fato deles terem ficado estarrecidos com a condição desse complexo penitenciário do Maranhão. Essa situação de calamidade nos presídios brasileiros, que não recupera ninguém, ocorre de norte a sul, e basta esses senadores visitarem qualquer presídio no país, inclusive, nos seus próprios estados, que eles verão que não é somente em Pedrinhas que temos um depósito de seres humanos.


Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira

sexta-feira, janeiro 10, 2014

PT ataca Campos e campanha pega fogo


Dilma, Campos, Marina e Aécio 2Estamos ainda a mais de 9 meses das eleições de outubro, mas, a campanha presidencial de 2014 não poderia ter começado mais quente neste início de de ano, com o verão registrando também temperaturas acima de 38 graus em todo o país.  E tudo começou na terça-feira, dia 7, com um texto apócrifo (sem assinatura) veiculado na página do Facebook do PT. Sob o título  "A balada de Eduardo Campos", os petitas acusam e criticam o governador de Pernambuco e pré-candidato à Presidência da República pelo PSB.


Dentre outras críticas,  os petistas chamam Eduardo Campos de "tolo" e de "playboy mimado". E não poupam também a ex-senadora Marina Silva, que ingressou no PSB depois que a Justiça Eleitoral negou o registro de seu partido,  a Rede Sustentabilidade. Marina é chamada no texto petista de "vaidosa", "praticante adesismo puro e simples" e de "ovo de serpente".


Em outra parte, o texto diz sobre Campos: "Beneficiário singular da boa vontade dos governos do PT, de quem se colocou, desde o governo Lula, como aliado preferencial, Campos transformou sua perspectiva de poder em desespero eleitoral, no fim do ano passado. Estimulado pelos cães de guarda da mídia, decidiu que era hora de se apresentar como candidato a presidente da República – sem projeto, sem conteúdo e, agora se sabe, sem compostura política".


E continua: "Campos poderia ser grato a tudo isso e, mais à frente, com maturidade e honestidade política, tornar-se o sucessor de um projeto político voltado para o coletivo, e não para o próprio umbigo." "Ao descartar a aliança com o PT e vender a alma à oposição em troca de uma probabilidade distante – a de ser presidente da República –, Campos rifou não apenas sua credibilidade política, mas se mostrou, antes de tudo, um tolo", diz texto petista.


PSB rebate à altura

Eduardo Campos, que rompeu com o governo Dilma Rousseff em setembro de 2013,  disse, em princípio, que não iria responder aos "ataques petistas". Mas, na quarta-feira,também em sua página do Facebook, classificou o texto de "ataque covarde" e afirmou: "A essa altura do dia, a maior parte de vocês deve ter tido conhecimento do ataque covarde desferido contra mim", disse o governador. "O resto a gente ignora. Porque, enquanto os cães ladram, a nossa caravana passa", esbravejou Campos.


O caso repercutiu também na bancada socialista do Congresso. Na quarta-feira, dia 8, uma nota assinada pelo deputado Beto Albuquerque, líder do partido, o PSB afirma, entre coisas:


 -  Fica evidente o desespero da direção do Partido dos Trabalhadores frente à discussão democrática do PSB em ter candidato próprio à Presidência da República em 2014. Tal desespero só demonstra a força das ideias e do debate que o PSB está propondo, sendo a real alternativa para que o Brasil avance nas mudanças que o povo brasileiro clama e precisa; 
-  É impossível negar os avanços que o Governo de Pernambuco obteve nos últimos sete anos, sob o comando do presidente nacional do PSB, Eduardo Campos. Alegar que o sucesso do Governo de Pernambuco deveu-se a ajuda federal é no mínimo ingênuo, pois tal ajuda se fez presente a todos os Estados, inclusive aqueles dirigidos pelo PT, que não tiveram a mesma capacidade de formulação de projetos, planejamento e execução que o Governador Eduardo Campos, o mais bem avaliado e aprovado do país, reeleito com a maior votação da história do seu Estado. 
- Além do ataque covarde e despolitizado ao Governador Eduardo Campos, a nota ainda usa termos chulos para tratar a ex-senadora Marina Silva, líder da Rede Sustentabilidade e filiada do PSB, uma ativista reconhecida internacionalmente pela sua defesa do desenvolvimento sustentável e figura de postura ímpar na política brasileira. 
-  Por fim, o PSB clama à sociedade brasileira que rechace a forma desrespeitosa, patética e desqualificada com a qual o Partido dos Trabalhadores está tentando conduzir o debate pré-eleitoral de 2014. O Brasil merece respeito. 


Aécio defende Campos 

E para não perder o bonde da campanha e nem deixar que a mesma fique polarizada entre PT e PSB, o senador Aécio Neves (PSDB), também usou o Facebook para se solidarizar com o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), com a ex-senadora Marina Silva, e também para criticar o texto petista.  Após considerar os ataques do PT como uma demonstração da "intolerância do PT" em relação aos seus opositores, Aécio disse:

"Agora na oposição, o governador de Pernambuco e a líder do Rede-Sustentabilidade experimentam a face covarde e autoritária do ativismo petista, da qual outros líderes das oposições têm sido vítimas contumazes, nas redes sociais: ataques organizados, quase sempre encobertos pelo anonimato de uma suposta militância dedicada a destruir reputações, e que atua como um exército especializado em tentar transformar mentira em verdade e calúnia em informação".


PT desconversa

Enquanto isso, a direção do Partido dos Trabalhadores afirma que o PT não tem nada a ver com o texto que, no entanto, continua na página  do Facebook  e que, até ontem, já contava com mais de 2.100 compartilhamentos. Isso mostra a força da Internet nas campanhas eleitorais e  que o texto, apesar de não  ser assinado por ninguém, agradou em cheio a militância petista. Além dos milhares de compartilhamentos, os militantes petistas aproveitam para postar comentários contra o governador de Pernambuco e ex-aliado do PT.


Por esses ataques entre os concorrentes ainda longe das eleições, podemos até imaginar de como será o clima desta campanha, que não será uma campanha polarizada entre petistas e tucanos, como tem acontecido nas últimas eleições presidenciais. Além da Marina Silva, que deverá mesmo ser a vice de Eduardo Campos, a campanha terá nomes fortíssimos como a própria Dilma Rousseff , com o apoio do ex-presidente Lula; do Aécio Neves, que vem com a força dos dois maiores colégios eleitorais do país - SP e Minas - e também do Eduardo Campos, que vem fortalecido pela campanha do PSB há quatro anos. Além disso, Campos é um governador do Nordeste, região onde o PT sempre obteve a maioria absoluta de votos.


H0je, as redes sociais funcionam como um termômetro das campanhas eleitorais e tudo indica, por esses ataques iniciais,  que o clima quente da campanha virtual poderá também contaminar os militantes de todos os partidos, quando a campanha fora para as ruas. Até porque mesmo que as lideranças não assumam a autoria de textos críticos como este do PT, a sua veiculação acaba influenciando e inflamando a militância. O clima esquentou de vez, vamos ver, agora, o quanto ainda vão colocar de lenha nessa fogueira até outubro.


Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br 

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira

quinta-feira, janeiro 09, 2014

Lapas entrega 7 novas motocicletas à GCM de Osasco

Lapas entrega novas motos para a CGM. 2Na manhã de quarta-feira, dia 8, a Segurança Pública de Osasco ficou mais reforçada. Em frente ao Paço Municipal, o prefeito Jorge Lapas fez a entrega de 7 novas motocicletas à Guarda Civil Municipal para ajudar no policiamento em todo o município num trabalho em conjunto com as Polícias Civil e Militar.


São motocicletas novas, modelo Honda XRE 300 que passarão a fazer parte da frota. Com as novas viaturas, entregues há poucos meses, a Guarda Civil Municipal conta, agora, com uma frota de 55 veículos, sendo 41 carros e 14 motocicletas.


Lapas entrega novas motos para a CGMApós vistoriar as novas motos, Jorge Lapas falou sobre a importância dessas novas aquisições. "O nosso objetivo é fazer com que a Guarda Municipal tenha sempre veículos novos e em boas condições. As motocicletas trazem uma maior rapidez e agilidade no deslocamento dos guardass para o atendimento da população. Estamos investindo cada vez mais em segurança na cidade de Osasco", afirmou Lapas.


Além do prefeito Jorge Lapas, participaram também do evento o secretário de Segurança e Controle Urbano, André Santiago, e o comandante da GCM, Paulo Siqueira, dentre outras autoridades.


Acompanhe Renato Ferreira também no Quintal da Notícia: www.quintaldanoticia.com.br

pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira

e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira

terça-feira, janeiro 07, 2014

PT de SP repudia prisão de João Paulo Cunha

João Paulo revistaO diretório estadual do PT de São Paulo, presidido pelo ex-prefeito de Osasco, Emídio de Souza, publicou uma nota oficial nesta segunda-feira, dia 6, repudiando a decretação da prisão do deputado Federal João Paulo Cunha. Veja, a seguir, a íntegra da nota:

Nota oficial do PT Paulista sobre a decretação da prisão do deputado João Paulo Cunha

Trata-se do ato final de um processo viciado e de um julgamento espectaculoso e midiático que ignorou princípios basilares do direito, como o duplo grau de jurisdição e a ampla defesa
 
Por Emidio de Souza, presidente do PT-SP
Segunda-feira, 6 de janeiro de 2014


Com a mesma indignação que recebemos a notícia da prisão injusta de três de nossos companheiros em 15 de novembro, recebemos hoje a notícia da igualmente injusta decretação da prisão do Deputado João Paulo Cunha.


Trata-se do ato final de um processo viciado e de um julgamento espectaculoso e midiático que ignorou princípios basilares do direito, como o duplo grau de jurisdição e a ampla defesa, bem como deixou de avaliar as provas apresentadas pelas defesas.


O PT continuará a denunciar o caráter político do julgamento da Ação Penal 470 e a execução das penas em desacordo com os termos da condenação. Estamos certos de que nenhum dos companheiros presos se apropriou de recursos públicos nem se enriqueceu ilicitamente e que a inocência de todos eles será um dia reconhecida, ainda que tardiamente.

Acompanhe Renato Ferreira também no Blog: www.renatojogoaberto.blogspot.com
pelo Twitter: www.twitter.com/orenatoferreira 
e no Facebook: www.facebook.com/orenatoferreira

web counter free
-- Fim do codigo Contador -->